SEGUIR POR E-MAIL

segunda-feira, 8 de julho de 2013

GÊNESIS




Caminhar...
Seguir rastros...
Pistas, passos
itinerários mesmos e sempres


É como a gota da taça dos planetas
Que transborda e enche todo o mar
É como o cisco dos olhos dos deuses
Que despenca e enche toda a terra
É como viver de previsões...

Viver de um sopro no barro
Até que o sopro se acabe
Ou o barro endureça
Como endurece a alma
Quando se retira o cisco dos olhos
Ou se extingue a gota primeira -
Progenitora -
Gênese -

Placenta e parteira.




Nenhum comentário:

Postar um comentário