SEGUIR POR E-MAIL

terça-feira, 20 de outubro de 2015

ESPELHOS









Aprisionado em mim... sou mais que a prisão:
Sou mais que as paredes de mim...
- maior por dentro que por fora - 
E por isso não caibo em mim 
- transbordo...
sou dois,




sou mais que dois:
sou aquilo que já fui
e o que serei ainda sou
Tudo em mim
reparte...

pedaços

faíscas

retalhos -





Sou cabide de muitos eus...
espelhos dentro de espelhos
espalhados numa tela nua...
uma tela

ainda a ser por mim mesmo pintada.









Nenhum comentário:

Postar um comentário