SEGUIR POR E-MAIL

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

BROTANDO





Tenho coragem de ser eu mesmo a cada novo eu que nasce em mim
Mas é preciso deixar pra trás
Os eus que morrem na estrada longa...

Pois há este novo eu – agora – brotando dolorosamente – cá dentro de mim - com a urgência aguda dos que nascem assim: 
... prematuros demais.











Nenhum comentário:

Postar um comentário