SEGUIR POR E-MAIL

terça-feira, 7 de maio de 2013

Pequeno poema do pobre que ensaiava as rimas do seu cordel


















Nenhum comentário:

Postar um comentário