SEGUIR POR E-MAIL

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

NO AGORA








Parece cedo pra despedidas


E tarde pra saudades velhas. 


O jeito, então,


é se ajeitar no agora 


e, em vão,


preencher-se 


de 


presente






Nenhum comentário:

Postar um comentário